domingo, 30 de novembro de 2008

SETENTA ANOS DE VIDAS SECAS "GRACILIANO RAMOS"


Paralelamente nesta segunda-feira, primeiro de dezembro de 2008, onde as portas da Casa Museu Graciliano Ramos em Palmeira dos Índios Alagoas, estarão sendo reabertas para o público após estarem fechadas há meses pelo IPHAN, para reformas. Coincidentemente no Rio de Janeiro, o escritor Wander Mello Miranda e o fotógrafo Evandro Teixeira, "O GLOBO' estarão lançando e debatendo o livro "Setenta Anos de Vidas Secas" de Graciliano Ramos. Na oportunidade, haverá debates sobre o mesmo, e em seguida se realisará a sessão de autógrafos, para os presentes ao evento cultural, na cidade maravilhosa.

Em um só dia, Graciliano conseguiu consolidar a seu favor, três grandes eventos: A reabertura de sua Casa Museu em Alagoas, lançamento do livro: "70 anos de Vidas Secas", no Rio de Janeiro, a apresentação na TV Brasil de São Paulo, as gravações do filme "Vidas Secas" interpretado pelo único sobrevivente no papel do filho de Fabiano, quando tinha 6 anos, e atualmente com 61, reviveu com emoção as gravações. É muita coincidência par um escritor alagoano.

Nenhum comentário: